Soluções para os Riscos Químico, Toxicológico e Ambiental

Catálogo de Produtos | Port. | Esp. |

Portuguese English Spanish

Print Friendly, PDF & Email

Em outubro foi realizado o evento “Prêmios para as mulheres brasileiras em química e ciências relacionadas” no auditório principal da FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo).

A cerimônia não teve como único objetivo a entrega dos prêmios, mas também levantar uma discussão a respeito do papel das mulheres na pesquisa científica no Brasil e no mundo, com foco na área de química e ciências relacionadas. Apesar de 50% das produções científicas brasileiras no mundo serem de autoria feminina (Elsevier, 2017), a participação de mulheres na ciência não passa de 30%. Não só isso, mesmo com o alto número de profissionais com cursos de mestrado e doutorado, muitas dificuldades são apresentadas para as mulheres que desejam construir uma carreira científica e ocupar cargos de alto nível em instituições, como: o preconceito de gênero, a falta de preparação para liderar e o planejamento familiar, este último que muitas vezes exige das pesquisadoras fazer a escolha entre a carreira acadêmica ou a família.

 

Print Friendly, PDF & Email

Print Friendly, PDF & Email

O presente artigo fundamenta-se no Estudo de Caso "Educating young people about working safely with chemicals", publicado pela Agência Europeia para Segurança e Saúde no Trabalho (EU OSHA). A Lehmann & Voss & Co é uma empresa química fundada em 1894, em Hamburgo, na Alemanha. Uma organização diversificada, combina três modelos de negócios na Europa, Ásia e Estados Unidos: comércio, distribuição e produção. Concentrada na produção de produtos para as indústrias de plásticos e borracha, a empresa contava, em 2016, com 569 empregados no total, 364 deles em Hamburgo.

 

Print Friendly, PDF & Email

Print Friendly, PDF & Email

Em 9 de outubro de 2015, a Secretaria do Trabalho e Previdência Social Mexicana publicou a NOM-018-STPS-2015 (Sistema armonizado para la identificación y comunicación de peligros y riesgos por sustancias químicas peligrosas en los centros de trabajo). Esta norma especifica a 5ª edição revisada do Purple Book/ONU (Libro Púrpura) como referência para o sistema de classificação e comunicação de perigo para produtos químicos, e estabeleceu um período de transição para implementação de 03 (três) anos após sua publicação no Diário Oficial do México (Diario Oficial de La Federación).

Print Friendly, PDF & Email

Print Friendly, PDF & Email

Em seu livro “A Teia da Vida”, o físico Fritjof Capra enfatiza a importância da construção e educação de comunidades sustentáveis, com base nas lições extraídas do estudo dos ecossistemas, que são comunidades sustentáveis de plantas, animais e microrganismos. Assinala que, para compreender essas lições, precisamos aprender os princípios básicos da Ecologia e, nesse contexto, criou o conceito de Alfabetização Ecológica.

Nessa perspectiva, a União Europeia implantou a abordagem estratégica “Juntos pela Saúde” (Together for Health), no período 2008/2013, em seus Estados Membros. A iniciativa enfatiza a importância da responsabilidade pessoal no cuidado da própria saúde e estabelece o conceito de Alfabetização em Saúde, definido como o desenvolvimento de habilidades para ler, selecionar e compreender as informações, para estar apto a fazer julgamentos fundamentados no cuidado da própria saúde.

Print Friendly, PDF & Email

Print Friendly, PDF & Email

Na área de Saúde, o Brasil dispõe de um arcabouço legal avançado. Em seu artigo 196, a Constituição Federal estabelece que “A saúde é direito de todos e dever do Estado, garantido mediante políticas sociais e econômicas que visem à redução do risco de doença. As políticas de saúde devem estar integradas às políticas sociais e econômicas”. O inciso II do Artigo 198 determina o atendimento integral, com prioridade para as atividades preventivas, sem prejuízo dos serviços assistenciais.

Print Friendly, PDF & Email

Print Friendly, PDF & Email

Em 26 de julho de 2018 a Comissão de Estudo de Transporte de Produtos Perigosos (CE-016:400.004) no Comitê Brasileiro de Transportes e Tráfego (ABNT/CB-016) adicionou a Consulta Nacional o Projeto de Emenda da ABNT NBR 14619 Transporte terrestre de produtos perigosos - Incompatibilidade química.

O projeto de emenda traz uma alteração nas instruções de sinalização dos cofres de carga utilizados na segregação de produtos químicos durante o transporte.

Print Friendly, PDF & Email

Pesquisar

 

ghs